XOOPS Brasil

 

Chapter 15. Advanced Features

Objetos

O Smarty permite acesso a objetos do PHP através de seus templates. Há duas formas de acessá-los. Uma forma é registrar objetos para o template, então os acessa via sintaxe similar a funções customizáveis. A outra forma é atribuir objetos para os templates e acessá-los como se fossem uma variável atribuída. O primeiro método tem uma sintaxe de template muito mais legal. E também mais segura, à medida que um objeto registrado pode ser restrito a certos métodos e propriedades. Entretanto, um objeto registrado não pode ser posto em loop ou ser atribuido em arrays de objetos, etc. O método que você escolher será determinado pelas suas necessidades, mas use o primeiro método se possível para manter um mínimo de sintaxe no template.

Se a segurança está habilitada, nenhum dos métodos privados ou funções podem acessados (começando com "_"). Se um método e propriedade de um mesmo nome existir, o método será usado.

Você pode restringir os métodos e propriedades que podem ser acessados listando os em um array como o terceiro parâmetro de registração.

Por definição, parâmetros passados para objetos através dos templates são passados da mesma forma que funções customizáveis os obtém. Um array associativo é passado como o primeiro parâmetro, e o objeto smarty como o segundo. Se você quer que os parâmetros passados um de cada vez por cada argumento como passagem de parâmetro de objeto tradicional, defina o quarto parâmetro de registração para falso.

O quinto parâmetro opcional só tem efeito com format sendo true e contém uma lista de métods de ob que seriam tratados como blocos. Isso significa que estes métodos tem uma tag de fechamento no template ({foobar->meth2}...{/foobar->meth2}) e os parâmetros para os métodos tem a mesma sinopse como os parâmetros para block-function-plugins: Eles pegam 4 parâmetros $params, $content, &$smarty e &$repeat e eles também comportam-se como block-function-plugins.

Example 15.1. usando um objeto registrado ou atribuído

<?php
// O objeto

class My_Object {
	function meth1($params, &$smarty_obj) {
		return "this is my meth1";
	}
}

$myobj = new My_Object;
// registrando o objeto (será por referência)
$smarty->register_object("foobar",$myobj);
// Se você quer restringie acesso a certos métodos ou propriedades, liste-os
$smarty->register_object("foobar",$myobj,array('meth1','meth2','prop1'));
// Se você quer usar o formato de parâmetro de objeto tradicional, passe um booleano de false
$smarty->register_object("foobar",$myobj,null,false);

// Você pode também atribuir objetos. Atribua por referência quando possível.
$smarty->assign_by_ref("myobj", $myobj);

$smarty->display("index.tpl");
?>

TEMPLATE:

{* accessa nosso objeto registrado *}
{foobar->meth1 p1="foo" p2=$bar}

{* você pode também atribuir a saída *}
{foobar->meth1 p1="foo" p2=$bar assign="output"}
the output was {$output}

{* acessa nosso objeto atribuído *}
{$myobj->meth1("foo",$bar)}