XOOPS Brasil

 

Booleanos

Este é o tipo mais simples. Um booleano expressa um valor verdade. Ele pode ser TRUE ou FALSE.

Nota: O tipo booleano foi introduzido no PHP 4.

Sintaxe

Para especificar um literal booleano, use as palavras-chave TRUE ou FALSE. Ambas são case-insensitive.

<?php
$foo 
True// atribui o valor True para $foo
?>

Tipicamente você pode utilizar algum tipo de operador que retorne um valor booleano, e passá-lo para uma estrutura de controle.

<?php
// == É um operador que testa
// igualdade e retorna um booleano.
if ($action == "mostrar_versao") {
    echo 
"A versão é 1.23";
}

// isto não é necessário ...
if ($exibir_separadores == TRUE) {
    echo 
"<hr>\n";
}

// ... porque você pode simplesmente escrever isso:
if ($exibir_separadores) {
    echo 
"<hr>\n";
}
?>

Convertendo para booleano

Para converter explicitamente um valor para booleano, utilize-se dos modificadores (bool) ou (boolean). Entretanto, na maioria dos casos, você não precisa utilizar o modificador, desde que qualquer valor será convertido automaticamente se um operador, função ou estrutura de controle requerer um argumento booleano.

Veja também Manipulação de tipos.

Ao converter para booleano, os seguintes valores são considerados FALSE:

Qualquer outro valor é considerado TRUE (incluindo qualquer recurso).
Aviso

-1 é considerado TRUE, como qualquer valor não zero (negativos ou positivos)!

<?php
var_dump
((bool) "");        // bool(false)
var_dump((bool) 1);         // bool(true)
var_dump((bool) -2);        // bool(true)
var_dump((bool) "foo");     // bool(true)
var_dump((bool) 2.3e5);     // bool(true)
var_dump((bool) array(12)); // bool(true)
var_dump((bool) array());   // bool(false)
var_dump((bool) "false");   // bool(true)
?>