XOOPS WAP Mobile
Notícias
Detalhes:
Título: AOL demite equipe de desenvolvimento do Netscape
Autor: hunter
Data: 2003-07-20 00:06:47
Conteúdo:
O navegador ajudou a popularizar a internet

O browser Netscape, que chegou a ser o programa mais usado para navegar na internet, parece estar com os dias contados. O dono do navegador, a AOL, está demitindo a maior parte do pessoal que trabalhava em novas versões do Netscape. A AOL disse que vai continuar a dar suporte técnico a edições antigas do software, mas que não vai mais produzir versões novas do navegador. Antes dos cortes de pessoal, a AOL empregava cerca de 50 pessoas na equipe que cuidava do Netscape. A AOL comprou o fabricante do software em 1998. - continua

Tempos pioneiros

Vários dos funcionários que estão perdendo seus empregos estão se mudando para a fundação Mozilla, que vai assumir o desenvolvimento do browser.

A Netscape foi fundada em 1994 e lançou as duas primerias versões do seu browser em outubro do mesmo ano.

O navegador foi distribuído de graça e conquistou um grande número de usuários e fãs.

O browser foi criado com base no trabalho do estudante Marc Andreessen e colegas no Centro Nacional de Aplicações para Supercomputação da Universidade de Illinois.

Depois que ele se formou, Andreessen e um colega, Jim Clark, criaram o Netscape e começaram a trabalhar em uma versão comercial do browser.

A história da internet tem vários nomes ilustres: os protocolos que definiram a cara da rede foram criados por Vint Cerf e Bob Kahn.

Tim Berners-Lee desenvolveu as melhores formas de se transferir de um site para outro, mas quem levou a internet para as massas foram os browsers Netscape e Mosaic, seu precursor.

Em 1995, no auge da popularidade do seu browser, a Netscape teve uma das entradas mais bem sucedidas no mercado de ações americano.

Mas, no final de 1998, a empresa começou a sofrer com a concorrência do Internet Explorer, o browser da Microsoft, que vinha integrado ao Windows, o sistema operacional que domina o mercado de PCs.

Hoje em dia, o Internet Explorer detém 96% do mercado dos browsers de internet.

Apesar de a AOL ser dona do Netscape, a empresa preferiu prover seus serviços na internet utlizando o Internet Explorer.

Quando a Netscape virou parte da AOL, o código central do browser também foi passado para a Mozilla, que começou a tocar um programa paralelo de desenvolvimento do navegador.

A AOL prometeu dar US$ 2 milhões à Mozilla e transferir direitos sobre a marca e propriedade intelectual para ajudar a fundação.

Fonte: BBC Brasil 17 de julho, 2003 - 17h26 GMT (14h26 Brasília)
http://www.bbc.co.uk/portuguese/ciencia/story/2003/07/030717_netscapetp.shtml


<< 1 ..317 (318) 319 ..335 >>