XOOPS WAP Mobile
Notícias
Detalhes:
Título: Paraná está saindo da idéia à ação em relação ao software livre
Autor: admin
Data: 2005-06-07 15:30:00
Conteúdo:
"A práxis do governo do Paraná se transformou em sonhos. Da idéia à ação". A declaração do governador Roberto Requião foi feita durante a abertura do 6° Fórum Internacional de Software Livre (FISL), na manhã de hoje em Porto Alegre (RS), resumindo os objetivos do decreto assinado na última segunda-feira, através do qual o governo do Estado estabelece Licença Pública Geral, liberando o uso, publicação, distribuição, reprodução e alteração todos os sistemas desenvolvidos em software livre pela Companhia Paranaense de Informática (Celepar).

O governador também assinou juntamente com o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Rogério Santana, e o presidente da Celepar, Marcos Mazoni, protocolo de intenções para o desenvolvimento de ações cooperadas entre os governos federal e do Paraná na área de tecnologia da informação pública.

"A práxis do governo do Paraná é uma práxis libertária no que concerne ao conhecimento técnico e científico", destacou Requião em pronunciamento para cerca de 5 mil pessoas que lotaram o Centro de Convenções da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, onde acontece o FISL 6.0. Depois de elencar os inúmeros programas de inclusão digital de seu governo - "temos telecentros até nos acampamentos do MST" – e os sistemas de gestão governamental desenvolvidos no Estado, o governador disse que o Paraná está caminhando para uma hegemonia quase que absoluta do software livre.

Comparando a luta pelo software livre com aquela que o governo do Estado trava para transformar o Paraná em território livre da soja transgênica e após lembrar que a Lei de Patentes foi aprovada por imposição do governo do ex-presidente Fernando Henrique -, Requião destacou que são as patentes, a exemplo do ocorre com a Monsanto no caso da soja transgênica, que escravizam a agricultura e submetem toda a nossa produção, disciplinam de forma dura e cruel o agronegócio e transformam o espaço agricultável do país no espaço da monocultura". Para o governador paranaense, se não houver uma reação para combater as patentes das sementes agrícolas, a exemplo da reação exibida pelos simpatizantes do software livre, "um dia estaremos consumindo software proprietário monopolizado pela Microsoft e nos alimentando com uma espécie de torta da monocultura dos agronegócios internacionais". E completou: "E, assim, a soja, o trigo, o milho, a biodiversidade e a multiplicidade fantástica das possibilidades alimentares num país como o nosso terá desaparecido definitivamente".

O FISL 6.0 prossegue até sábado com a participação de pesquisadores, estudantes e profissionais de tecenologia de informação de mais de 40 países que estão apresentando trabalhos de pesquisa e de desenvolvimento relacionados ao software livre. Nesta sexta-feira e no sábado, a Celepar apresenta seus sistemas de correio eletrônico, agenda e catálogo (Expresso Livre), o gerenciador de conteúdo utilizado para implantação de portais de conteúdo dinâmico, com tecnologia PHP/MySQL, o "Xoops" e o conjunto de ferramentas e componentes para novas aplicações em plataforma JAVA, o Framerwork Celepar.

Clique aqui para ver a cobertura completa do evento.


[size=xx-small]Fonte: CELEPAR[/size]


<< 1 ..133 (134) 135 ..335 >>